segunda-feira, 12 de março de 2012

Sentidos


Me basta esse teu perceber
Maravilhoso, sempre ao acordar,
Que sei que, mesmo em dia de pesar,
Eu desse cheiro não vou esquecer.

Eu necessito, pra espairecer,
Ver esses lindos olhos a me fitar
Por horas eles posso admirar
E assim ficar até o entardecer.

Preciso desses lábios bem sentir
O mais belo sabor, o elixir,
Logo que a noite despertar enfim.

E quando, em cama, já estou presente
No simples toque de seu corpo quente
Percebo que a noite não terá fim.

Odisseu Castro.

2 comentários:

  1. Ótimo amour! Não há nada melhor do que admirar quem amamos...

    ResponderExcluir
  2. senti algo parnasianista em volta.

    HelianaBastos

    ResponderExcluir